Tag

cosméticos

Browsing

Planejamento é a palavra chave quando vamos fazer uma mudança para o exterior. Além de todos os documentos, mudança, stress, ainda tem um problema que pode fazer muitas pessoas ficarem de cabelo em pé: a mala. É preciso praticar o desapego, pois colocar uma vida em uma ou duas malas de 23 quilos é muito difícil, principalmente se a pessoa ter apego às coisas materiais; pois algumas coisas que tem valor sentimental muitas vezes irão ficar para trás. Afinal, o que levar e o que não levar?

No Brasil, até a década de 1990, a farmácia (ou drogaria) era o estabelecimento comercial onde se vendiam remédios e, às vezes, uma pequena quantidade de outros produtos para a saúde e higiene. Caso o consumidor quisesse uma maior variedade de produtos para beleza e higiene pessoal, poderia comprar em supermercados ou, dependendo o caso, apenas em lojas especializadas.

Com a chegada do modelo “drugstore”, trazido dos Estados Unidos, as farmácias brasileiras passaram a oferecer uma gama muito maior de produtos, desde medicamentos, passando por produtos de beleza e higiene, até alguns alimentos industrializados, tornando-se verdadeiros mercados de conveniência.

O brasileiro acostumou-se, então, a comprar tudo no mesmo lugar: remédios prescritos pelo médico, vitaminas, suplementos, xampu, pasta de dente, maquiagem, e de quebra umas balinhas diet passando pelo caixa. 🙂

Já na Alemanha, funciona um pouco diferente…

WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com