Quando nos mudamos para a Alemanha, alugamos um apartamento que já veio com a cozinha embutida. Esta cozinha já tem alguns equipamentos instalados, sendo um deles a prática e econômica lava-louças. Como era a primeira vez que eu estava utilizando tal eletrodoméstico, decidi ler o manual de instruções para saber como funcionava. Em especial porque, em uma rápida olhadela, identifiquei que havia vários compartimentos e regulagens, e não apenas o dispenser para o sabão.

O idioma do manual foi a primeira dificuldade, claro. Mas fui usando um tradutor e, com toda a paciência do mundo, aos poucos, fui decifrando o que estava escrito. Até que me deparei com uma expressão que nunca havia ouvido falar. Era necessário saber o nível da “dureza da água” da minha região para ajustar o nível do sal. Dureza da água?

Aqui está um exemplo dos diversos compartimentos e regulagens de uma lava-louças na Alemanha.
Aqui está um exemplo dos diversos compartimentos e regulagens de uma lava-louças na Alemanha.

O que é o nível de dureza da água?

A água dura é formada quando a chuva se infiltra no solo através de depósitos de cal e calcário, compostos em grande parte por carbonatos de cálcio e magnésio. Assim, esses elementos ficam dissolvidos na água dos leçóis freáticos, que é coletada e distribuída para as cidades. Mesmo que a água seja tratada, os minerais podem não ser totalmente eliminados. O nível de dureza da água corresponde à quantidade destes compostos dissolvidos na mesma.

A principal consequência é que a presença destes minerais na água dificulta a reação com sabões naturais (que são feitos de gordura vegetal ou animal). Assim, forma-se menos espuma, é necessário usar mais sabão para uma limpeza eficiente, dificulta-se o enxague, e restam resíduos que se depositam nas superfícies. E é daí que vem o termo “água dura”, porque com ela é mais “duro” ou mais “difícil” de se trabalhar. Entretanto, hoje em dia é mais comum o uso de detergentes sintéticos. Desta forma, o problema é minimizado, porém não completamente resolvido.

Efeitos da água dura no cotidiano doméstico

Quando a água tem um alto nível de dureza, acumula-se um depósito de cor esbranquiçada em superfícies como pias, banheiras e encanamentos. Ele é composto principalmente de carbonato de cálcio (CaCO3), hidróxido de magnésio (Mg (OH) 2) e sulfato de cálcio (CaSO4) e pode reduzir a vida útil de equipamentos, aumentar os custos de aquecimento da água, diminuir a eficiência dos aquecedores elétricos de água e entupir os canos.

Torneira com manchas brancas acumuladas devido à dureza da água.
Manchas brancas da água dura na torneira da pia.
Box de banheiro com manchas brancas acumuladas devido à dureza da água.
Manchas brancas da água dura no box do banheiro.

Agora pense em todos os pequenos confortos do dia-a-dia do seu lar que utilizam água e podem sofrer danos com estes resíduos acumulados: louças, pias, box, chuveiros, banheiras, máquinas de lavar roupa e louça, cafeteiras, chaleiras elétricas…

O que fazer para minimizar os efeitos da água dura em produtos domésticos

Para prevenir o desgaste das máquinas de lavar roupa, além do acúmulo dos resídos nos tecidos, é necessário utilizar, junto com o sabão, uma solução “desendurecedora de água”. Em alemão se chama “Wasserenthärter”, porém nem sempre está explícito assim na embalagem. Às vezes vem a expressão “Anti-Kalk”, mas é a mesma coisa. Apenas verifique se o produto é específico para lavar roupas. Existem versões em gel, pó, tablete ou cápsulas e você tem que usar de acordo com o sabão. Como eu uso sabão líquido, uso o Wasserenthärter em gel. Para decidir qual o produto mais adequado para o seu caso e saber a maneira correta de usar, verifique sempre as indicações do fabricante da sua máquina de lavar e a dosagem indicada na embalagem.

Exemplo de "Wasserenthärter" em gel para máquina de lavar roupas.
Exemplo de “Wasserenthärter” em gel para máquina de lavar roupas.
Verso da embalagem do "Wasserenthärter", mostrando a dosagem correta para cada nível de dureza da água.
Verso da embalagem do “Wasserenthärter”, mostrando a dosagem correta para cada nível de dureza da água.

Na máquina de lavar louça, é necessário usar um sal especial (Spezial Salz) e ajustar o equipamento de acordo com o nível de dureza da água da sua região. Também é necessário usar um “Klarspüler”, que é um produto que auxilia o enxague da louça e evita manchas. Existem também tabletes e detergentes para máquinas de lavar louça quem já vêm com a função anti-calcário e auxílio-enxague. A escolha de qual método utilizar fica a critério de cada um. Mas repito, verifique sempre as indicações do fabricante da sua máquina no manual de instruções, pois alguns detalhes podem variar de um aparelho para o outro.

Produtos utilizados na máquina de lavar louças para evitar o desgaste do equipamento pelo acúmulo de resíduos de calcário e auxiliar no enxague da louça.
Produtos utilizados na máquina de lavar louças para evitar o desgaste do equipamento pelo acúmulo de resíduos de calcário e auxiliar no enxague da louça.

No caso dos resíduos brancos acumulados em pias em outras superfícies, basta limpar com uma solução levemente ácida, como vinagre ou suco de limão, ou produtos de limpeza com essa mesma propriedade. O ácido reage com o carbonato de cálcio e o remove facilmente.

Vinagre e produto de limpeza à base de vinagre.
Vinagre e produto de limpeza à base de vinagre, ideais para limpar os resíduos acumulados pela água dura.

A água dura faz mal à saúde?

Segundo a Organização Mundial de Saúde, em condições normais, não existe risco na ingestão do cálcio e magnésio presentes na água. Pelo contrário, eles fazem parte de uma dieta saudável e são encontrados naturalmente em diversos alimentos, como laticíneos e alguns vegetais.

O único efeito colateral já relatado é que, quando existe uma combinação de altas concentrações de magnésio e sulfato na água, isso pode causar um efeito laxante. Porém, os dados também sugerem que, com exposição contínua, o corpo se adapta a estes níveis e o efeito laxante cessa naturalmente depois de um tempo.

Portanto, em geral, beber esta água rica em minerais pode até produzir benefícios moderados ao ser humano. Mas o efeito é tão pequeno, que ainda está longe de suprir as quantidades diárias de cálcio e magnésio que o corpo precisa. Portanto, continue consumindo uma dieta equilibrada e siga sempre as recomendações dos profissionais da saúde. 😉

Efeitos da água dura para a pele e o cabelo

A água dura também pode causar acúmulo de resíduos na pele e cabelos, impedindo os óleos naturais do corpo de funcionarem corretamente e comprometendo a hidratação. O resultado é que a pele e os cabelos ficam ressecados. Na maioria dos casos, cosméticos como condicionadores e hidratantes devem resolver.

Porém, alguns estudos sugerem que, em pessoas pré-dispostas, ou em associação com outros fatores, a água dura pode causar eczema. Portanto, se você notar que o ressecamento está provocando irritação ou algum outro sintoma anormal, procure um dermatologista. 😉

Água dura para as plantas

Regar as plantas com água da torneira, que tenha altas concentrações de cálcio e magnésio, pode desrregular os níveis de minerais naturais da terra e deixar as plantas mais “fraquinhas”. Uma possível solução é misturar fertilizantes especiais à água da rega semanalmente. Outra opção é coletar a água da chuva e regar as plantas com esta água, pois ela é mais “pura”, já que não passou pelos filtros ricos em cálcio e magnésio do solo.

Resumo: O que fazer

Concluindo, a água dura não é um bicho-de-sete cabeças. É uma propriedade natural da água, que varia de acordo com a composição do solo da região onde ela está localizada. Como vimos, esta característica pode causar alguns inconvenientes em nosso dia-a-dia. Porém, a maioria deles são fáceis de resolver com algumas soluções simples que mostramos neste post.

Também é possível instalar filtros especiais nas residências, mas esta solução costuma ser mais cara. Além disso, nem sempre cabe a você decidir, principalmente se morar de aluguel, ou compartilhar o mesmo prédio com mais famílias. Portanto, vale seguir as dicas:

  • não deixar louças escorrendo, pois podem ficar manchadas,e abrir a lava-louças logo após terminar o ciclo para deixar sair o vapor
  • utilizar os produtos indicados pelos fabricantes em máquinas de lavar louça e roupa, para equilibrar as quantidades de minerais na água e evitar dano aos equipamentos
  • lavar periodicamente cafeteiras e chaleiras elétricas com vinagre, para retirar a camada de calcário que fica acumulada
  • limpar pias, box, chuveiros e banheiras com produtos de limpeza à base de vinagre ou limão
  • usar hidratantes para minimizar o ressecamento da pele e cabelos
  • usar fertilizantes semanalmente na rega das plantas, ou regá-las com água da chuva

E não se esqueça: se o seu problema com a água dura causar mais do que um pequeno inconveniente, sempre procure ajuda profissional. 😉

 

Autor: Gabriele Tschá

1 Comentário

Deixe seu comentário

WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com